2016-12-26

Chegou Natal!


Esperado pelo coração o Natal chega, não como mais um ato a ser celebrado pelos que creem ou festejado pelos que trocam presentes, comem e bebem, mas como oportunidade para uma reflexão sobre a vida. Sim, a vida, porque Deus se fez "gente como a gente" para nos ensinar como viver esta vida de forma livre, não escrava, como assim decorria em seu tempo.

A vida do Menino Deus foi uma aposta do Deus que é Pai e que correu risco ao colocar a vida do seu filho nas mãos dos homens. Porém, Deus conduz a história e sabe fazer do seu desígnio sempre oportunidades para que os homens escolham a vida. Agradecemos a coragem de Maria e de José pela aposta que fizeram pelo Filho de Deus, ainda que não tivessem a exata noção do mistério que os envolviam.

Chegou o Natal mais uma vez, mas absolutamente este mistério nunca será mesmismo para quem aposta no bem, na fraternidade e na justiça. A força deste Menino está oculta, contemplada e desfrutada apenas pelos "fracos", porque o Natal não é poder e nem força, mas fraqueza de um Deus que nos escolheu como morada para nos ensinar a consquistar a morada eterna com a força do seu amor e de sua morada. Chegou o Natal!

Antonio Marcos

0 comentários:

Postar um comentário