Continuem a rezar por mim, pela Igreja, pelo futuro Papa, que nos guiará

Escrito Por Antonio Marcos na quarta-feira, fevereiro 13, 2013 Sem Comentários



Palavras improvisadas do Santo Padre antes de começar a tradicional catequese da quarta-feira, 13 de fevereiro, na sua primeira aparição pública após anunciar a decisão pessoal de sua renúncia:

"Queridos irmãos e irmãs,

Como vocês sabem, decidi [aplausos]... Obrigado pela sua simpatia, decidi renunciar ao ministério que o Senhor me confiou no dia 19 de abril de 2005. Fiz isso com plena liberdade para o bem da Igreja, depois de ter rezado bastante e de ter examinado diante de Deus a minha consciência, bem consciente da gravidade de tal ato, mas bem consciente de não estar mais em condições de exercer o ministério petrino com aquela força que se requer. Me apoia e me ilumina a certeza de que a Igreja é de Cristo, o qual não a deixará nunca sem o seu guia e cuidado. Agradeço a todos pelo amor e a oração com que me acompanham. Obrigado, senti quase que fisicamente nestes dias, não fáceis para mim, a força da oração que o amor da Igreja, a oração de vocês, me traz. Continuem a rezar por mim, pela Igreja, pelo futuro Papa, que nos guiará”.


Fonte e tradução:
ZENIT.Org – Cidade do Vaticano (Foto: AFP)