2011-01-02

É realmente o Dia por excelência

Outro dia recebi uma carta de uma amiga e das muitas coisas bonitas e profundas partilhadas, quis aqui destacar o que ela falou acerca da Santa Missa aos Domingos, o Dia do Senhor:

“Quando eu era criança, achava o dia do Domingo chato! Falava que no domingo era ruim porque não passavam meus programas favoritos. Hoje fico tão feliz de ir à Missa aos Domingos... Gosto sempre de chegar mais cedo à igreja para ficar olhando as coisas do Senhor: o altar, as velas, as imagens dos santos, e faço questão de tirar minhas sandálias e agradecer a Deus por estar na Sua casa. Aproveito e peço a graça de permanecer nela para sempre. Fui convidada ao banquete eucarístico e por isso gosto de vestir a melhor roupa. O Domingo é realmente o Dia por excelência”.

Fiquei pensando e rezando com suas palavras porque é mesmo uma verdade fundamental o valor do Domingo para os cristãos católicos. A nossa páscoa semanal dá sentido às nossas vidas. É certo que as correrias e os compromissos do mundo moderno, tantas vezes, fazem com que o Domingo não seja mais para muitos, o que ele precisar ser realmente, o Dia do Senhor, o Dia da alegria por excelência, do descanso e da expectativa da Santa Missa. Os detalhes de que fala o texto acima não são bobagens ou sinal de uma fé ingênua e superficial, mas algo desafiante em nossos dias apressados e de distração. Chegar mais cedo à Santa Missa, preparar o coração e treinar a sensibilidade dos sentidos, rezar silenciosamente a gratidão de estar ali, dá-nos Senhor, esta graça e outra vez descobriremos quão realmente é o Domingo o Dia por excelência.

Antonio Marcos

Um comentário:

  1. Oi Antonio Marcos!!

    Deus abençoe a sua vida e que este ano de 2011 seja de muitas realizações.
    Fica com Deus.

    Shalom!!
    Raiane
    www.amigosshalompetrolina.blogspot.com

    ResponderExcluir