Halleluya: Cristo é o sangue que corre nas artérias desse imenso coração!

Escrito Por Antonio Marcos na quarta-feira, julho 07, 2010 1 comment


Eu estava na recepção do Shalom da Paz, no dia de ontem, e uma jovem mulher me perguntou: “Olha, não sou tão jovem assim, mas eu queria ir ao Halleluya, porém, tenho vergonha porque me falaram que lá é um ambiente só para os jovens, só tem coisas para os jovens. Então, não me sentiria bem e por outro lado não gosto de estar parada ouvindo os cantores. O que existe lá para gente da minha idade?” De imediato não me controlei e comecei a rir, ela também! Logo lhe perguntei: Você acha que em tempos como os nossos,  Deus promoveria uma festa daquele tamanho somente para um tipo de público e idade? Claro que não! Imagine! Que desperdício de oportunidade para ganhar a tantos para o Seu amor! Ele promoveria o Halleluya só pra você, se fosse necessário, mas o amor de Deus é criativo demais!
Comecei então a elencar àquela mulher
- de forma bem reduzida do que faço aqui - os frutos da criatividade e da urgência do amor de Deus para atingir a todos nós. Veja: o Halleluya é exatamente o lugar onde se encaixa todo mundo. Ele é uma das extraordinárias ações de evangelização que o Espírito Santo suscitou à Comunidade Católica Shalom e vem cada ano nos surpreendendo por sua organização e resultados para a vida da Igreja de todo o Ceará e, por que não dizer, do Brasil. O espaço onde os cantores se apresentam é o que se pode chamar de “cartão de visita” do evento. Aquela enorme arena e aquele palco gigante onde se apresentam diariamente diversas atrações, as bandas católicas, não simplesmente para cantarem, mas para fazerem daquela ocasião uma oportunidade de evangelizar, atingir a muitos que são atraídos pela dança e pela boa música católica devido à sensibilidade que ela gera, especialmente quando cantada com unção, alegrando o coração e levando-o à oração.
No entanto, o Halleluya é uma festa de Deus promovida num lugar de muitos ambientes interligados, eu diria, um coração ligado às artérias onde corre o sangue da salvação, como por exemplo: o espaço da misericórdia (onde estão os sacerdotes confessando), o aconselhamento espiritual e oração de cura interior, a Capela do Santíssimo Sacramento, o espaço onde são ministrados cursos de formação com temas atuais para jovens, casais e adultos, e totalmente gratuitos. Na arena principal encontramos ainda os diversos stands onde se pode entrar em comunhão com os diversos trabalhos oferecidos pela Comunidade Católica Shalom, tais como: A Promoção Humana, o Colégio Shalom, a orientação vocacional acerca do Carisma Shalom, a Rádio, as Edições (Livros, Cd’s, Liturgia Pão da Vida para missa diária, Revista Shalom Maná, etc.). Grande alegria é contar com o espaço de atividades radicais para os jovens, o Halleluya Kid (crianças) e ainda contar com a possibilidade de conversar com as pessoas que evangelizam no meio da multidão, em todos os ambientes do Halleluya, enfim, é um mundo de oportunidade à nossa disposição, é um verdadeiro coração.
Também, não se pode deixar de dizer, no Halleluya, no meio a mais de 600 mil pessoas numa única noite, existe sempre o clima de paz e harmonia, segurança e natureza agradável por causa da atração do amor de Deus que faz derramar a Sua graça naquele ambiente de forma extraordinária. O Halleluya é uma profecia porque corresponde ao anseio de contemplar a reunião de tantas pessoas de diferentes classes sociais e culturais em nome de Jesus Cristo. Ali vemos de perto o rosto do sonho de Deus de que os povos acorram a Cristo, o único Salvador. Não há outro segredo para explicar o Halleluya se não este: Cristo é o sangue que corre nas artérias deste imenso coração que dá vida a tantos que por ali passam cada ano.
Antonio Marcos